Pages - Menu

Template temporário! Grata pela compreensão!

Várias formas de sentir-se iludida,

e outras mil de realmente o ser.

Ninguém chora pelos mesmo motivos que eu, disto tenho certeza. Nem mesmo por alguém que maltratou em vida e depois de sua morte quer resgatar para fazer tudo ao contrário. Ninguém sequer pensa em chorar por não ouvir a voz mais importante de todas, a alma. Nem ousa chorar pelo passado de outrém enquanto ele nem mesmo o conhecia. Ninguém chora em vão por coisas poucas e inúteis. Ninguém lembra de chorar por coisas incabadas, pelo passado mal resolvido, pelas lembranças desgastadas, pelos amores perdidos, pelos sentimentos expressos em forma de raiva.

Por que no meu mundo ninguém existe além de mim, e ninguém sente tanto quanto eu; ninguém fala, ouve, respira ou até mesmo imagina na mesma intensidade que meu pobre coração é capaz de o fazer.
Ah, eu, uma perdida amante, estou à deriva de tudo.
Que o Divino me guie antes que as trevas o faça. Ela não hesitará em entregar meu corpo ao pó e minha alma à Hades. Hades, aquele que sempre me perturbou e, seu maior prazer, é em me ver sofrer quando não estou ao lado seu. Sofrimento é solidão, ausência do elixir da imortalidade, o amor. Isso, agora, eu tenho de sobra, o medo. Que cobre minhas entranhas, aquelas que eu nem sabia existir. O medo - que é o nada - de nada me enche e para sempre sinto que vou continuar vazia.
Amém para quem o bem fez, e o mal traça seus próprios servos.


.mais fotos como esta do post, aqui